terça-feira, janeiro 20, 2009

Versos Gerais

Acho que molhei o poema
Molhei a melhor parte
Molhavam também as grandes serras:
Couves-flores de Deus!
E umas cores desciam 
desciam lágrimas no sorriso
molhavam meus cabelos
O sorriso
Os cabelos
É tudo que guardarei
Sem molhar e pra sempre.

10 comentários:

Celine disse...

Tu voltastes, guria???!!!

=D
tava morrendo de saudade, já, Xuxu.

Ric@rdo disse...

Que enxurrada!

Bonito e molhado poema.

Beijo.

Cabraforte disse...

Molhado mesmo!!!

prazer conhecer seu blog!!!


bj

Patarata disse...

Que delíciosa notícia.
Bom que voltaste linda.

;)

Bjin

Beauvoir disse...

Que singelo...!
Adorei!

george araújo disse...

gostou mesmo?
hehe
ATUALIZADO O SÉTIMA!
hehe


bjos
>>

jorginho da hora disse...

Todo mundo chora um pouquinho de vez em quando.

caim disse...

saudade...

como você está?

Thainá Vivas disse...

Tem selo pra vc no Futebol de Mini-saia. Não deixe de ler as regras!

;)

Filhas da Pagu disse...

Escorreu a tinta da caneta... escreve no verso!

Beijos