domingo, agosto 10, 2008

Neruda e Ele


meu homem.

- Quero dançar você, tocar você...
- Mas já são meia noite e eu ainda não comi nada. Ele é tão gostoso.
minha mulher, minha mãe não sabe o que eu penso,
mas só penso nele me agarrando, forte.

Beijo forte.

- Você tão sexy, e mãe dos meus filhos. Louca. Louca e sexy. Mais uma
vez te amo.
- Entra aqui, toma uma cerveja. Relaxa, temos tempo todo do mundo.
Eu tenho você e minha casa tem uma cozinha boa.

meu homem

- Que tal Buena Vista? Eu sei que você detesta tango e essas coisas
da nossa gente... mas eu gosto de você como nunca gostei de ninguém
- Você me liga essa noite. Quero gozar ouvindo você! Tão linda e
inteligente. Me passa o leite?

minha canção

- Fica comigo essa noite. Meus amigos vão te odiar e a lua está cheia!
- Eu te odeio até te amar... quando terminar esse vinho eu te dou e a gente faz amor até meu pé encontrar o seu. Amanhã não tem trabalho e se alguém me ligar você atende.

minha mulher

- Neruda é? Um café e dois queijos... me beija os dedos e vai embora
- Sou sua, mas tenho que ir. você me quer? deixa a porta aberta.

10 comentários:

Larissa Santiago disse...

Queria Pedro Moraleida pra ilustrar.

Rodrigo Carreiro disse...

Meio pornográfico, meio romântico, meio naturalista... Muito bom!

Filhas da Pagu disse...

Profundo e casual. Sexy e despreocupado. Gostei denovo!
Bjs,
Karol

Cruela disse...

pra falar a verdade não entendi nada.

Celine disse...

Que isso, filhota?
Adorei!!
Posso fazer um video?

Patarata disse...

Gosto de teus textos, cada vez mais.

Ricardo Dib disse...

Sensual e levemente enigmático.

alvarêz dewïzqe disse...

muito bom Larissa... e ficou melhor ainda com Buena Vista e Neruda

A Outra disse...

vc ta ficando boa nisso, hein?

bjsss

instantes e momentos disse...

belissimo post. Parabens pelo blog. Muito bom.
Maurizio