domingo, março 02, 2008

to be continued


e continuo respeitando os loucos
já que proporcionam momentos
indizivelmente bons...
festas virtuais, sonhos reais
e sentimentos transcendentes
fazem parte desse cotidiano.
Fazem parte da mente repartida,
do coração dividido.
A loucura também segmenta, racha
pensamentos e quem vê de fora
(se não for louco) ri e/ou aponta.
Os momentos são reais, os pensamentos
são insanos e os desejos misturados,
complicados, loucos, diria...
tão, que pouco a pouco vem trazendo cura
a atitudes nada anormais: tudo vira simples
e pura maluquice!
e assim continuando o dia-a-dia normal
não se consegue esquecer as insanidades
do noite-a-noite.

2 comentários:

avessodoavesso disse...

canteeeeeeeeei
...
canteeeeeeeeei
...

sei lá! um momento de insanidade!

Willians disse...

depois de um tempo a graça do alcool se vai como uma gripe de verão sem 9 semanas e 1/2 de amor

ai ... ai fica foda e a (m)esmo